13/08/2018

Bola de neve

Bola de neve

Na semana passada, os ministros do Supremo Tribunal Federal votaram, em plenário, a concessão de um aumento de 16,38% no salário dos… ministros do Supremo Tribunal Federal. Decidiram que sim, por sete votos a quatro (os únicos a se oporem foram a presidente Cármen Lúcia e os ministros Celso de Mello, Rosa Weber e Edson Fachin). Agora o aumento tem que ser aprovado no Congresso – o que só deve ocorrer após as eleições, para que os parlamentares evitem mais um desgaste com o eleitorado (há um risco de que eles aproveitem a deixa para votar um reajuste para a própria classe). Hoje um ministro do STF ganha R$ 33,7 mil por mês. Passará a ganhar R$ 39,3 mil – valor que pode gerar um impacto anual de R$ 4 bilhões no orçamento da União, já que o salário do STF serve de teto para o que ganha todo e qualquer funcionário público.

Quer se engajar?
Assine essa petição contra o aumento salarial

Quer se engajar um pouco mais?
Você pode dar um oi para cada um dos sete ministros que aprovaram o aumento camarada

Ricardo Lewandowski
gabinete.mrl@stf.jus.br

Marco Aurélio Mello
audienciagabmmam@stf.jus.br

Luís Roberto Barroso
audienciamlrb@stf.jus.br

Gilmar Mendes
audienciasgilmarmendes@stf.jus.br

Luiz Fux
gabineteluizfux@stf.jus.br

Alexandre de Moraes
gabmoraes@stf.jus.br

Dias Toffoli
gabmtoffoli@stf.jus.br

MemeNews é financiado pela Open Society Foundations, por meio de um projeto que pretende unir humor e mudanças sociais.